Duas rodovias em Goiás estão entre as 5 piores do país

Duas rodovias em Goiás estão entre as 5 piores do país

As rodovias BR-158, entre Jataí e Piranhas e GO-174, entre Rio Verde e Iporá, ambas no sudoeste de Goiás, estão entre as cinco piores do país, segundo levantamento feito pela Confederação Nacional dos Transportes (CNT). O estudo concluiu também que mais de 64% das rodovias goianas, ou federais que passam pelo estado estão entre regular e péssimo (veja dados abaixo).

Os dados estão na 21ª edição da Pesquisa CNT de Rodovias, divulgado na terça-feira (7). O levantamento avaliou mais de 105 mil quilômetros de rodovia, mais de 6 mil em Goiás, percorrendo toda a extensão pavimentada das rodovias federais e as principais rodovias estaduais.
BR-158 foi considerada ruim pela CNT, em Jataí, em Go
Nenhuma rodovia de Goiás está entre as dez melhores, e duas delas aparecem no ranking das dez piores como “ruins”. O trecho da BR-158 entre Jataí e Iporá foi considerado o terceiro pior do país. No percurso entre as duas cidades, a CNT identificou problemas na qualidade do asfalto e na geometria da pista, além de falta de sinalização.

A rodovia é de pista simples e não tem acostamento, e tem movimento intenso devido ao fato da via ser uma dos principais rotas de escoamento da produção agrícola da região. No ranking entre as piores, a BR-158 perdeu apenas para a BR-222, em Marabá (PA) e BA-460, em Barreiras (BA).

Em 5º lugar entre as piores está a GO-174, entre Rio Verde e Iporá. O trecho tem 170 quilômetros, e já chegou a ser conhecida pelos moradores da região como “rodovia da morte”. O local é movimentado, com tráfego intenso de caminhões, principalmente responsáveis pelo transporte da produção de grãos.

O que dizem os responsáveis

O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), responsável pela BR-158, informou à TV Anhanguera que faz regularmente a manutenção do asfalto, mas vai contratar equipes para reforçar a infraestrutura da via.
GO-174 é considerada a 5ª pior rodovia do país, em Rio Verde
Em relação à GO-174, a Agência Goiana de Transportes e Obras (Agetop), informou que a via está passando por obras de recuperação, incluídas no programa de recuperação de rodovias estaduais. As obras, segundo a agência, que incluem a construção de uma terceira faixa, para atender a demanda de veículos. Segundo a nota, 80% das obras foram concluídas na rodovia.


DEIXE SEU COMENTÁRIO ABAIXO:

VEJA TAMBÉM

Matrículas para novos alunos da rede estadual de ensino estão abertas

Matrículas para novos alunos da rede estadual de ensino estão abertas

Vagas de empregos disponíveis em Anápolis nesta sexta-feira 17/11/17

Vagas de empregos disponíveis em Anápolis nesta sexta-feira 17/11/17

Motorista é preso após matar ciclista atropelado em Itumbiara

Motorista é preso após matar ciclista atropelado em Itumbiara

Assassino de Raphaella tenta suicídio em cadeia de Alexânia

Assassino de Raphaella tenta suicídio em cadeia de Alexânia

Homem em Goianésia marca suposto encontro com mulher e é recebido a pauladas pelo marido dela

Homem em Goianésia marca suposto encontro com mulher e é recebido a pauladas pelo marido dela

28°BPM de Anápolis recupera veiculo roubado e prende suspeito por receptação

28°BPM de Anápolis recupera veiculo roubado e prende suspeito por receptação